Enfermagem: papel cada vez mais importante

Enfermagem: papel cada vez mais importante

Profissionais da área exercem funções de grande impacto na qualidade, segurança do paciente e sustentabilidade dos serviços de saúde.

À frente do cuidado dos pacientes, enfermeiros são responsáveis e fazem parte das equipes multiprofissionais em todas as linhas de cuidado existentes em uma instituição de saúde. Os desfechos hospitalares dependerão, em grande parte, da boa performance desses times.

“O enfermeiro é o gestor do cuidado, e todos os fluxos dos pacientes passam pelas mãos da enfermagem, que está presente nos hospitais durante as 24 horas do dia ao lado dos pacientes”, afirma Virginia Paraizo, diretora de Práticas Assistenciais.

Cuidar pode até ser entendido como “arte”, mas sem deixar de levar em consideração a “ciência”. Padrões e protocolos utilizados pela enfermagem são baseados em evidências científicas, acompanhados por indicadores de processo e desfecho. Se olharmos para a história de Florence Nightingale, fundadora das bases da enfermagem moderna, não vamos ter nenhuma dúvida de que a enfermagem precisa ser entendida como a “ciência do cuidado”.

Os serviços hospitalares trazem uma enorme complexidade e reúnem uso de tecnologias, diferentes expertises e diversos níveis de procedimentos. Esses ambientes podem favorecer o restabelecimento da saúde, mas precisam estar preparados para não causar danos aos pacientes. “Diante desse fato, trabalhamos arduamente em busca de padrões e protocolos de qualidade que visam reduzir os riscos existentes na assistência hospitalar”, diz Virginia.

“Por exemplo, no atendimento de um AVC, seguimos um protocolo que inicia no departamento de emergência, segue para a medicina diagnóstica, que poderá direcionar para uma terapia intensiva e, depois, uma unidade não crítica até o desfecho hospitalar. O protocolo é acompanhado por indicadores de processos e os tempos para cada fase até a finalização da internação, com indicadores de desfecho. Para que tenhamos os melhores resultados precisamos contar com uma equipe multiprofissional capacitada e integrada, com papéis e responsabilidades em cada etapa do cuidado. Doenças tempo-sensíveis dependem fortemente do seguimento adequado dos protocolos para melhores resultados”, destaca.

Outra dimensão importante está relacionada ao uso racional dos recursos, entendendo que o desperdício tem que ser combatido. “Na equação de valor do Americas, temos a qualidade plena como fator de maior importância sob o custo, entendendo o custo como uma oportunidade de reduzir os desperdícios. Por exemplo, uma infecção hospitalar poderá acarretar custos adicionais que poderiam não existir se todos os riscos fossem mitigados de acordo com os protocolos”, diz Virginia.

Capacitação para excelência

Para manter os profissionais da enfermagem atualizados e preparados para enfrentar quaisquer desafios, o Americas investe fortemente em treinamentos e capacitações de diferentes formas e periodicidade. “O importante é entender onde estão as oportunidades de treinamentos para que a assistência seja livre de danos e busque se desafiar a todo momento por melhores resultados”, afirma Virginia.

Para avançar ainda mais, o Americas ingressará na Jornada Magnet, uma certificação internacional cadenciada por uma jornada que visa a “Excelência” dos serviços de enfermagem. “É um marco importante, uma certificação ainda inédita nos hospitais brasileiros que está alinhada à visão estratégica do Américas Serviços Médicos”, destaca Virginia.

Americas Serviços Médicos
Americas Serviços Médicos

O mais moderno Grupo Médico-hospitalar do país