saúde_masculina

10 mitos e verdades sobre a saúde sexual masculina

Nossos especialistas esclarecem algumas dúvidas comuns no universo masculino e mostram como cuidar dos principais problemas que preocupam os homens em relação à sua saúde sexual.

Disfunção erétil, exame de toque retal, ejaculação precoce... Ainda são muitos os tabus relacionados a temas da saúde sexual masculina. E tabus costumam ser meio caminho andado para a disseminação de informações falsas ou para alimentar temores que retardam a busca de ajuda médica.

O que é mito e o que é verdade? Para ter respostas confiáveis, buscamos a palavra de dois de nossos especialistas: os doutores Kleiton Yamaçaque, urologista e especialista em cirurgia robótica do Hospital Samaritano Paulista e Samaritano Higienópolis; e Tiago Pádua, oncologista do Americas Centro de Oncologia Integrado. Como você vai ver nos nossos 10 Mitos e Verdades, com cuidados adequados, a maioria dos males que inquietam os homens tem solução.

1. Câncer de próstata não mata.

Mito – O câncer de próstata pode ser fatal, ainda que sua evolução seja lenta. É um câncer silencioso, que só apresenta sintomas em estágio avançado, quando as chances de cura são pequenas e o tratamento apenas paliativo. Descoberto precocemente, pode ser tratado com sucesso com medicamentos e/ou cirurgia, com riscos cada vez menores de sequelas graças às novas tecnologias. Por isso é importante fazer o rastreamento a partir dos 50 anos (ou antes, aos 45 anos, se tiver casos de câncer de próstata em familiares de 1º e 2º graus). Os recursos utilizados para esse acompanhamento são o exame de sangue de PSA (antígeno prostático específico) e o toque retal.

2. O exame de toque retal é dolorido.

Mito – Esse exame pode ser um pouco desconfortável, mas não é dolorido. É realizado rapidamente, cerca de 10 segundos, e não necessita de preparo prévio. Além de suspeita de câncer de próstata, pode sinalizar outras doenças, como prostatite (inflamação da próstata) e hiperplasia (aumento da próstata) e hemorróidas. O aumento da próstata costuma ocorrer a partir dos 50 anos. Com frequência é benigno e tratável sem efeitos colaterais.

3. Cirurgia robótica de câncer de próstata reduz risco de sequelas.

Verdade – A cirurgia robótica reduz bastante a possibilidade de sequelas no desempenho sexual e no controle da função urinária. É um procedimento menos invasivo e mais preciso, evitando que durante o procedimento sejam atingidas áreas da próstata que comprometam essas funções.

4. Vasectomia pode causar disfunção erétil ou dificultar a ejaculação.

Mito – O procedimento contraceptivo masculino impede a passagem de espermatozoides por meio da interrupção dos canais específicos dos testículos, não afetando ejaculação, ereção, libido ou função urinária. É uma cirurgia simples, feita com anestesia local e com efetividade superior a 99%.

5. Vasectomia é reversível.

Verdade – O fluxo dos espermatozoides pode ser restabelecido por meio de uma nova cirurgia, tornando o homem fértil novamente. O sucesso do procedimento depende do tempo decorrido desde a vasectomia. Quando realizada até 10 anos depois dela,a reversão é bem-sucedida em cerca de 80% dos casos.

6. Disfunção erétil tem tratamento.

Verdade – Seja causa por questões fisiológicas ou psicológicas, a dificuldade de ter e manter a ereção pode ser tratada. Entre 10% e 20% dos casos de disfunção são originados de problemas vasculares. Nos demais, as causas são psicológicas.O problema pode afetar homens de qualquer idade, mas tem maior incidência a partir dos 40 anos. O tratamento pode incluir medicamentos e/ou suporte psicológico.

7. O desempenho sexual masculino independe da condição física.

Mito– Uma vida saudável, com alimentação balanceada, atividade física regular e controle do peso, só melhora o desempenho sexuale reduz a possibilidade de disfunção erétil e ejaculação precoce. Obesidade, álcool, drogas, tabagismo, além de doenças como hipertensão e diabetes e alguns tipos de medicamentos também contribuem para as disfunções sexuais. Resumindo: cuidar da saúde em geral marca pontos para também para a vida sexual.

8. Uma bolada ou pancada nos testículos pode causar infertilidade.

Mito– Somente um trauma muito grande pode afetar a fertilidade, o que ocorre muito raramente. A fertilidade masculina pode ser comprometida por algumas doenças, além de fatores como obesidade, uso de drogas e anabolizantes.

9. Ejaculação precoce pode ser causada por ansiedade.

Verdade– O problema que aflige muitos homens (cerca de 30% sofrem com a ejaculação precoce)tem causas orgânicas em metade dos casos. Na outra metade, as causas são psicológicas, principalmente a ansiedade relacionada ao desempenho sexual. Tratamentos com medicamentos e/ou terapia apresentam ótimos resultados.

10. Remédios para disfunção erétil, como o Viagra, têm contraindicações.

Verdade– Esses produtos são contraindicados para homens que usam alguns tipos de medicamentos para tratamento de doenças cardíacas. Por isso, consulte seu médico antes de utilizar remédios para disfunção erétil.

 

INS_noticia-intena_profile-writer.jpg
Americas Serviços Médicos

O mais moderno Grupo Médico-hospitalar do país