Endoscopia digestiva alta

Endoscopia digestiva alta: o que é e para que serve?

Além ser um método para diagnosticar problemas do nosso sistema digestivo, esse procedimento também tem finalidades terapêuticas.
      
A endoscopia digestiva alta é um exame bastante utilizado para descobrir a causa de problemas digestivos como dores abdominais, queimação e refluxo, entre outros. Por meio do endoscópio, um tubo fino que tem um microcâmera em sua extremidade, ele permite visualizar as paredes do esôfago, estômago e duodeno. Caso sejam observadas alterações suspeitas na mucosa, durante o procedimento pode ser colhido um fragmento para análise pelo patologista (biópsia).

“O exame é bastante seguro e permite diagnosticar inflamações como esofagite, gastrite e duodenite; presença de pólipos; tumores; úlceras e varizes esofágicas, entre outros problemas”, afirma o Dr. Rogério Kuga, endoscopista e coordenador da área de Endoscopia Digestiva do Americas Serviços Médicos. “As contraindicações são poucas, tais como suspeita de perfuração da víscera ou em situações em que não há condição clínica do paciente”, esclarece o especialista. Ele lembra que, além de diagnóstico, procedimentos endoscópicos também podem ser utilizados com finalidade terapêutica, como a remoção de pólipos e cauterização de lesões.

Como é feito o exame?
Depois da aplicação de um spray anestésico na garganta, o paciente é sedado. Nas unidades do Americas Serviços Médicos, a sedação é realizada por um anestesista, o que agrega segurança para o paciente. Depois da sedação, o endoscópio é introduzido pela boca e levado até o estômago. O endoscópio percorre o sistema digestivo insuflando ar para visualização interna das paredes dos órgãos. As imagens obtidas por meio da microcâmera são transmitidas para um monitor. O procedimento costuma durar de 5 a 10 minutos para diagnóstico e cerca de 20 a 30 minutos nos demais casos.

A endoscopia digestiva alta também pode ser realizada em crianças.

Em que situações a endoscopia digestiva alta diagnóstica é indicada?
Os médicos costumam prescrever esse exame para identificar a causa de desconfortos abdominais duradouros, quando o paciente apresenta sintomas como dores abdominais, náusea e/ou vômitos, queimação, refluxo, dificuldade para engolir, perda de peso e de apetite sem causa aparente e nos casos de suspeita de sangramento interno.

Quais são as indicações da endoscopia digestiva alta terapêutica?
O procedimento pode ser adotado para retirada de pólipos, ressecção (extração) de lesões, hemostasia,  úlceras sangrantes, dilatação de estreitamento do órgão, ressecção de tumores malignos não avançados e introdução de balão intragástrico no estômago para perda de peso, entre outras.

Qual o preparo necessário para fazer o exame?
Antes do procedimento, é necessário um jejum de alimentos de alimentos de 8 horas. Como o exame é realizado com sedação, é indispensável a presença de um acompanhante (sem ele, o procedimento não é realizado).

Quais são os cuidados que precisam ser tomados depois do exame?
Depois da endoscopia, o paciente fica um período em repouso na instituição até a equipe médica avaliar que está em condições para ser liberado. Devido à sedação, naquele dia, a pessoa não deve dirigir ou realizar qualquer atividade que exija concentração ou envolva riscos, como utilizar objetos cortantes. Podem ocorrer sintomas como leve irritação na garganta, pigarro, cólica fraca ou desconforto gasoso, que são passageiros.

Outros exames de endoscopia digestiva

  • Colonoscopia: exame que permite diagnosticar alterações no intestino grosso e parte do íleo terminal (porção final do intestino delgado). É muito solicitado para rastreamento de câncer de cólon e reto.
  • Ecoendoscopia ou ultrassom endoscópio: associa a endoscopia à tecnologia de ultrassom para obter imagens de órgãos do sistema digestivo, como vias biliares e pâncreas.
  • Cápsula endoscópica: as imagens da endoscopia são obtidas por uma microcâmera inserida em uma cápsula, que é engolida pelo paciente e excretada nas fezes. O paciente usa um cinturão que capta as imagens do ciclo da digestão para análise do especialista a fim de detectar possíveis lesões.

Endoscopia no Americas: várias unidades à sua disposição
Exames e procedimentos endoscópicos são realizados em diversas unidades do Americas Serviços Médicos.  
Precisa agendar uma endoscopia? Confira as unidades que oferecem esse serviço:
 
São Paulo - capital

São Paulo – outras cidades


Rio Grande do Norte (Natal)

Ceará (Fortaleza)

 

Americas Serviços Médicos
Americas Serviços Médicos

O mais moderno Grupo Médico-hospitalar do país