Melhores práticas

Melhores práticas

Controle do diabetes com certificação JCI

Programas do Pró-Cardíaco e do Samaritano Botafogo fortalecem a segurança dos pacientes e ajudam a eliminar custos evitáveis

Os Programas de Controle Glicêmico para Diabetes dos Hospitais Pró-Cardíaco e Samaritano Botafogo, ambos na cidade do Rio de Janeiro, conquistaram em dezembro acreditação da Joint Commission International (JCI).  A certificação atesta a qualidade, a segurança e a efetividade dos planos gerenciados criados pelas duas instituições para eliminar ou controlar os efeitos do diabetes descompensado e das alterações de glicemia. Isso é feito por meio de ações terapêuticas e nutricionais personalizadas, monitoramento sistemático da glicemia e educação em diabetes conduzidas por equipes multiprofissionais pautadas por protocolos.

A medida, ainda pouco adotada no cenário assistencial nacional, surgiu como uma resposta do nosso Grupo a um problema de escala planetária, que afeta os sistemas de saúde de todos os países e, especialmente, do Brasil, onde a prevalência do diabetes é crescente. Segundo dados do Vigitel de 2018, a doença atinge 7,7% da população. Esse contingente transforma o Brasil no quinto país com o maior número de casos no mundo, de acordo com o ranking da Federação Internacional de Diabetes. Diabetes descompensado e a alterações glicêmicas aumentam o risco de complicações no quadro clínico dos pacientes, o que pode levar ao aumento do tempo de internação e de custos que poderiam ser evitados.

O programa funciona desde 2014 no Pró-Cardíaco e desde 2018 no Samaritano Botafogo. Para os pacientes diabéticos dos dois hospitais, a iniciativa significa um reforço na excelência do cuidado. Para as fontes pagadoras, mais uma prova de que assistência de qualidade e sustentabilidade do sistema podem e devem caminhar sempre juntas.

 

Logo do Americas Serviços Médicos.
Americas Serviços Médicos

O mais moderno Grupo Médico-Hospitalar do país.