Melhores práticas - ONA

Melhores práticas - ONA

Alvorada Brasília chega ao topo ONA

Com a nova certificação, Instituição reafirma compromisso com a excelência

O Hospital Alvorada Brasília conquistou em dezembro a certificação ONA 3, chegando ao nível máximo dessa importante credencial concedida pela Organização Nacional de Acreditação, entidade criada para estimular um processo permanente de avaliação e certificação dos serviços de saúde do Brasil. Com isso, o Hospital passou a integrar a lista das top 5 instituições ONA 3 da cidade, “acreditado com Excelência: princípios de excelência em gestão”.

Para os pacientes e o mercado de saúde regional, essa é mais uma expressão do compromisso do Alvorada Brasília com a melhoria contínua, o que implica a criação e o controle de processos capazes de eliminar riscos e criar barreiras para todos os tipos de falhas que possam afetar a qualidade e segurança da assistência. Essa rota da eficiência também está sendo estratégica para a consistente redução dos custos operacionais.

Para nossas equipes, a obtenção do ONA 3 também tem um significado especial, uma vez que é fruto de um bem-sucedido trabalho coletivo de transformação do pequeno hospital familiar adquirido em 2008 pelo Americas Serviços Médicos em uma joia de eficiência no Planalto Central, com volumes assistenciais e operacionais que crescem ano a ano. “Coube às lideranças e aos profissionais das diversas áreas a construção de um sistema de gestão da excelência praticamente do zero”, conta do Dr. Marcello Caio Reis, diretor-executivo do Hospital.

Em dezembro de 2017, o Alvorada Brasília obteve a sua primeira certificação ONA, já no Nível 2 (Acreditado pleno: princípio gestão), que automaticamente atestava a competência do ONA Nível 1: princípio segurança.  “Para nossa primeira recertificação, em dezembro de 2019, decidimos nos desafiar e partir para um novo patamar, o que nos levou ao topo máximo da certificação”, diz o Dr. Marcello.

Após auditoria, os avaliadores fizeram questão de destacar alguns pontos fortes, entre eles o grau de maturidade da comunicação e coesão institucional entre as equipes, tanto do ponto vista vertical (entre as lideranças e as bases) como horizontal (entre as equipes). A conquista do ONA 3 já inspirou novos desafios: “Nossa meta agora é a conquista da JCI”, informa o Dr. Marcello.

 

Logo do Americas Serviços Médicos.
Americas Serviços Médicos

O mais moderno Grupo Médico-Hospitalar do país.