Exames de imagem

Onde é melhor fazer exames de imagem?

Realizar esses exames em uma unidade hospitalar pode significar mais agilidade, segurança, eficiência e comodidade para os pacientes.

Na hora de fazer exames de imagem para rastreamento ou diagnóstico de doenças ou para orientar o médico na estratégia de tratamento, muitas pessoas ficam em dúvida: é melhor buscar o serviço em um bom hospital ou ir a um centro que só faz esses exames?

Para nos ajudar a entender qual o melhor caminho a seguir, conversamos com o Dr. José Flávio Gomes Marin, da equipe da Unidade de Medicina Diagnóstica e Terapêutica do Hospital Samaritano Higienópolis e coordenador nacional de Medicina Nuclear do Americas Serviços Médicos, que esclarece alguns mitos e verdades sobre a realização de exames de imagem em um hospital.

É verdade que os hospitais só realizam exames para pacientes internados ou do pronto-socorro?

Não é verdade. Todos os 18 hospitais da rede Americas têm serviços de exames de imagem que atendem de maneira separada os dois grupos de pacientes: os que estão internados ou no pronto-socorro; e os pacientes ambulatoriais, ou seja, aqueles que vêm de casa para realizar seus exames conosco. Com esses fluxos separados, podemos assegurar todo o conforto e bem-estar aos pacientes externos. Alguns equipamentos, inclusive, são totalmente dedicados a esse atendimento.

Se eu realizar um exame de imagem dentro de um hospital estarei mais exposto à COVID-19, podendo me infectar?

De forma alguma. Importante é buscar hospitais que seguem rígidos protocolos de segurança e têm totalmente fluxos separados: um para atender pacientes com COVID ou suspeitos e outro para pacientes sem COVID. É isso que acontece nos hospitais da rede Americas. Contamos também medidas rigorosas de higienização dos aparelhos e dos ambientes onde são feitos os exames. O uso de máscaras é obrigatório e disponibilizamos álcool em gel em pontos estratégicos para a higiene das mãos. Antes de entrar em um de nossos hospitais, todas as pessoas têm a sua temperatura aferida e aquelas com sintomas gripais precisam adiar a realização do seu exame. Toda nossa equipe assistencial usa máscaras especiais, que os protegem e protegem nossos pacientes.

É verdade que a precisão e agilidade no diagnóstico são melhores nos centros de imagem externos do que nos hospitais, pois são dedicados apenas a esse fim?

Não. Para muitos exames, particularmente os mais simples, as tecnologias diagnósticas são até similares. Mas, à medida que aumenta a complexidade dos exames, o ambiente hospitalar oferece melhores recursos técnicos e humanos. Os hospitais contam, inclusive, com estruturas e equipes de retaguarda para lidar com situações que, embora raras, podem ocorrer, como reações alérgicas ao uso de contrastes ou a medicamentos utilizados, por exemplo, em exames cardiológicos.

Ao sair de uma consulta com a prescrição de exames é mais rápido agendar através do agendamento direto nos hospitais?

Sim, ainda mais quando os hospitais contam com o apoio de profissionais dedicados a facilitar a vida dos pacientes. Ao sair de uma consulta com indicação de um exame, esse profissional já busca a melhor agenda para que ele possa ser realizado. Esse serviço imprime velocidade e conforto para o paciente, que não precisa entrar em contato com centrais de agendamento. Em alguns hospitais do Americas esses serviços ficam a cargo de profissionais de concierge. É o caso do Americas Medical City, no Rio, e do Samaritano Higienópolis, em São Paulo. A realização de exames diagnósticos nas unidades hospitalares também agrega mais conforto ao paciente, que pode concentrar seus cuidados de saúde em um mesmo lugar.

É verdade que realizando exame de imagem dentro da unidade hospitalar posso contar com equipes médica e multidisciplinar de qualidade?

Os hospitais do Americas, por conta de suas estruturas de alta complexidade, têm mais facilidade para oferecer aos pacientes acesso a médicos especializados e a equipes multidisciplinares qualificadas.  Vale ressaltar, ainda, que esses hospitais passam periodicamente por processos de certificação, contribuindo para reforçar a segurança e a qualidade dos processos.  Outro aspecto importante é a atualização tecnológica, fruto de investimentos constantes na rede Americas. Um exemplo recente é o Samaritano Higienópolis, que acaba de incorporar novos e avançados equipamentos.

Novidades no Samaritano Higienópolis.

O Hospital Samaritano Higienópolis renovou sua área de Medicina Diagnóstica e Terapêutica, processo que envolveu a aquisição de novos equipamentos de imagem e métodos gráficos. A modernização visa proporcionar aos pacientes mais agilidade, eficiência e segurança.

As aquisições tecnológicas incluem um novo ecocardiograma; o terceiro tomógrafo, o Revolution ACT, que realiza imagens de qualidade com doses menores de radiação; e a quarta ressonância magnética, a Signa Voyager Premium 1.5T, equipamento capaz de processar as imagens obtidas em uma velocidade muito superior comparada aos equipamentos tradicionais. Além de reforçar a qualidade e eficiência dos exames, os novos equipamentos ampliaram a capacidade de atendimento e agilizaram os agendamentos.

Agendamentos de exames no Samaritano Higienópolis podem ser feitos pelo site https://higienopolis.hospitalsamaritano.com.br/exames ou pelo telefone (11) 3821-5300

INS_noticia-intena_profile-writer.jpg
Americas Serviços Médicos

O mais moderno Grupo Médico-hospitalar do país